Pular para o conteúdo principal

Vida Devocional #04

A paz do Senhor queridos!
Chegamos ao último post da série! \o/


Testemunho.
Talvez um dos maiores desafios de nossa vida cristã.
Ele disse:

"Mas RECEBERÃO PODER quando o Espírito Santo descer sobre vocês, e SERÃO MINHAS TESTEMUNHAS... até os confins da terra". Atos 1:8
Recebemos o Espírito Santo, agora precisamos de ousadia e coragem para não ocultarmos, para não enterrarmos esse dom.
Testemunhar Jesus é deixar que Ele apareça em nós, atrvés das nossas palavras, atitudes, através do nosso olhar.
Como assim:
É deixar o senso comum, os pré julgamentos que nos afastam dos outros e transmitir o Amor de Deus, nem todos os que estão à sua volta  são conhecedores e praticantes da Palavra e muitos não crêem, mas a Bíblia diz que somos Sal e Luz, somos intrumentos a serem usados por Deus para a salvação dessas almas, e quando omitimos aquilo que há em nós, quando deixamos de testemunhar por medo, vergonha do que irão falar ou por simples preguiça estamos negando o Cristo que vive em nós, e seremos cobrados por isso no Grande Dia, pois tivemos a oportunidade de evangelizar e não fizemos.

Testemunhar Jesus não é fazer teatro, não mostrar aos outros uma vida perfeita sem problemas ou pecados, mas ser canal e exemplo, ser diferente, andar na contramão do mundo e na alegria de Deus. Pense nisso:

Ninguém despreze a tua mocidade; mas sê o exemplo dos fiéis, na palavra, no trato, no amor, no espírito, na fé, na pureza.
Persiste em ler, exortar e ensinar, até que eu vá.
Não desprezes o dom que há em ti, o qual te foi dado por profecia, com a imposição das mãos do presbitério.
Medita estas coisas; ocupa-te nelas, para que o teu aproveitamento seja manifesto a todos.
Tem cuidado de ti mesmo e da doutrina. Persevera nestas coisas; porque, fazendo isto, te salvarás, tanto a ti mesmo como aos que te ouvem. (1ª Timéteo 4, 12 -16)

 Espero que tenham gostado da série e que ela seja benção na vida de vocês!
Deus abençoe!
Com carinho,
Mari Godoi
te em ler, exortar e ensinar, até que eu vá.

Não desprezes o dom que há em ti, o qual te foi dado por profecia, com a imposição das mãos do presbitério.

Medita estas coisas; ocupa-te nelas, para que o teu aproveitamento seja manifesto a todos.

Tem cuidado de ti mesmo e da doutrina. Persevera nestas coisas; porque, fazendo isto, te salvarás, tanto a ti mesmo como aos que te ouvem.
1 Timóteo 4:12-16

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A menina da casa de Naamã

Olá meus queridos e minhas queridas!
A paz do Senhor!


A história de Naamã eu já conhecia, mas depois de ler mais uma vez notei algo que ainda não havia percebido.

Eu, eu mesmo e Pedro

Agora não compreendes o que eu faço, mas depois entenderás.
Em uma conversa casual, refletindo sobre este versículo, algo nos chamou a atenção.  Já ouvimos em muitas aplicações como temos atitudes semelhantes às dos personagens bíblicos, Adão é aquele citado para falar de quem não assume a responsabilidade dos seus atos e sempre joga a culpa em outra pessoa, ou Jonas quando foge do chamado de Deus, ou Moisés que sempre coloca um empecilho para aceitar a missão que Deus lhe confiou... A reflexão de hoje nos aproxima mais uma vez de um personagem bíblico e nos traz algumas lições. Vamos juntos?

Muita emoção, nenhuma conversão

A paz do Senhor meus queridos!
Como estão?
_______________________________________

Ao abrir meu painel do blogger hoje me deparei com uma atualização de um dos blogs que sigo, onde a notícia falava sobre uma apresentadora de um programa de televisão que chorou ao ouvir uma música de uma cantora evangélica, que enquanto a cantora fazia sua apresentação a moça ficou muito emocionada e a cantora também, enfim, vocês devem saber quem é.
Então decidi postar sobre isso hoje, falar um pouco sobre o emocionalismo extremo de muitos que se dizem cristãos, mas que após seus momentos maravilhosos na presença de Deus, simplesmente voltam à suas vidas normais. O que realmente deveria acontecer depois de uma emocionante noite de culto ou oração? Por que tantas pessoas choram, pulam, gritam, dançam, sapateiam ... Mas depois disso não há sequer um sinal de mudança na vida delas? Será que chorar ao ouvir lindos louvores significa algo? E se eu não chorar? Quer dizer que não estou sentindo a presença de…