Pular para o conteúdo principal

Faça o seu melhor!






Eu fico pensando como muitas coisas ao meu redor poderiam ter sido diferentes, se eu tivesse dado o meu melhor. Ficamos reclamando ao invés de fazer aquilo que devemos fazer, na igreja isso acontece muito. Não é mesmo?!?! quantas pessoas hoje em dia ficam sentadas no banco só apontando o dedo, falando que isso não é assim, estão fazendo errado, olha o que o Pastor faz, nosso o líder tal não poderia ter feito isso e blá... blá... blá. Na igreja temos poucos servos e muitos críticos, que tal abrir a boca para orar? ou abençoar a vida de alguém? não é capaz de fazer isso (coisa que eu acho difícil, porque tudo é uma questão de escolha, e fazer o melhor é uma escolha) então não atrapalha. 
Não falo só na igreja na nossa sociedade também toda corrupção que existe na politica e em tantas outras áreas, hoje estamos interessados no nosso bem e não no bem comum, já parou para pensar como as coisas seriam diferentes se todos ou a grande parte das pessoas fizessem o seu "MELHOR"?!?!?! serio o máximo neh. 
Fazer o melhor é fazer como Jesus em toda sua jornada aqui na terra. Pois, mesmo Ele sendo Deus, Ele fez o melhor em seu lar (como filho), como líder, em seus estudos, em sua cidade e o melhor de tudo foi em seu propósito que é de nos salvar. 
"Faça o seu melhor e seja igual a Jesus"

Abraço
JL








Comentários

  1. Muito lindo
    Adorei o seu texto
    Beijos Nath (Blog da Cantini)
    http://blogdacantini.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Olá!!
Sinta-se livre para expressar sua opinião sobre o que leu aqui, queremos mesmo saber o que você pensa!
Muito obrigada pela visita e pelo comentário!
Deus te abençoe! ♥
DAC

Postagens mais visitadas deste blog

A menina da casa de Naamã

Olá meus queridos e minhas queridas!
A paz do Senhor!


A história de Naamã eu já conhecia, mas depois de ler mais uma vez notei algo que ainda não havia percebido.

A conversão de C. S. Lewis

Você, provavelmente, já ouviu falar no autor de "As Crônicas de Nárnia". Eu também, desde que conheci um pouco mais sobre ele, tive curiosidade em saber se ele era ateu ou cristão, pois (para bons entendedores) as Crônicas de Nárnia trazem uma mensagem com muitos valores cristãos, mas também contém muitas características duvidosas quanto ao que a história realmente quer transmitir. Então fiquei naquele impasse: Será  que é? Será que não é?

Hoje, decidi procurar um pouco mais sobre a vida dele e sanar minhas dúvidas. Agora quero compartilhar com vocês! Espero que gostem! =D

Muita emoção, nenhuma conversão

A paz do Senhor meus queridos!
Como estão?
_______________________________________

Ao abrir meu painel do blogger hoje me deparei com uma atualização de um dos blogs que sigo, onde a notícia falava sobre uma apresentadora de um programa de televisão que chorou ao ouvir uma música de uma cantora evangélica, que enquanto a cantora fazia sua apresentação a moça ficou muito emocionada e a cantora também, enfim, vocês devem saber quem é.
Então decidi postar sobre isso hoje, falar um pouco sobre o emocionalismo extremo de muitos que se dizem cristãos, mas que após seus momentos maravilhosos na presença de Deus, simplesmente voltam à suas vidas normais. O que realmente deveria acontecer depois de uma emocionante noite de culto ou oração? Por que tantas pessoas choram, pulam, gritam, dançam, sapateiam ... Mas depois disso não há sequer um sinal de mudança na vida delas? Será que chorar ao ouvir lindos louvores significa algo? E se eu não chorar? Quer dizer que não estou sentindo a presença de…