Pular para o conteúdo principal

Eu escolhi pecar...


"Eu ganho novas chances de ser melhor todos os dias, a todo momento eu vivo uma vida de escolhas... Algumas delas são decididas somente pela sua consequência, quando o despertador toca por exemplo, posso escolher entre levantar e ir trabalhar, ou ficar dormindo e correr o risco de perder meu emprego, então eu escolherei levantar! Em todas essas escolhas eu devo agradar a Deus, mas nem sempre consigo...


Eu sou pecadora e tenho uma natureza pecaminosa, posso muito bem dizer que minhas escolhas são inclinadas para o mal, e de fato são, porém não deixam de ser escolhas. É cômodo colocar toda culpa nisso e "tirar a minha da reta" toda vez que peco, mas não. A cada vez que eu escolho não orar, a cada vez que eu escolho fazer outra coisa ao invés de ler a Palavra, a cada vez que eu escolho ter conversas não saudáveis, eu estou escolhendo me afastar de Deus, e longe dEle não há forças pra lutar contra essa natureza que me faz querer o que é mal, portanto a culpa foi sim toda minha, eu escolhi pecar e magoar a Deus, eu não importei com a consequência dessas escolhas e mais uma vez eu me esqueci da Cruz..."



Comentários

  1. Nossa, Texto maravilhoso!

    www.byanak.com.br

    ResponderExcluir
  2. Obrigada Ana Karla, que Deus te abençoe! ♥

    ResponderExcluir
  3. Texto muito lindo e verdadeiro. Vivemos uma vida tão corrida, que às vezes parece faltar tempo para orar ou ler a Palavra, e realmente, isso vai nos enfraquecendo...
    Bjo!
    http://cristadelicada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Texto tocante e perfeito!
    http://estrelaaquelaqueilumina.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amém meninas, que Deus as abençoe!

      Excluir
  5. MUITO BONITO TEXTO VEM DE DEUS COM CERTEZA

    ResponderExcluir
  6. Muito bom seu texto, certamente temos a possibilidade de escolha todos os dias, so para constar...saudável escreve-se com u. Abraços

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Olá!!
Sinta-se livre para expressar sua opinião sobre o que leu aqui, queremos mesmo saber o que você pensa!
Muito obrigada pela visita e pelo comentário!
Deus te abençoe! ♥
DAC

Postagens mais visitadas deste blog

A menina da casa de Naamã

Olá meus queridos e minhas queridas!
A paz do Senhor!


A história de Naamã eu já conhecia, mas depois de ler mais uma vez notei algo que ainda não havia percebido.

A conversão de C. S. Lewis

Você, provavelmente, já ouviu falar no autor de "As Crônicas de Nárnia". Eu também, desde que conheci um pouco mais sobre ele, tive curiosidade em saber se ele era ateu ou cristão, pois (para bons entendedores) as Crônicas de Nárnia trazem uma mensagem com muitos valores cristãos, mas também contém muitas características duvidosas quanto ao que a história realmente quer transmitir. Então fiquei naquele impasse: Será  que é? Será que não é?

Hoje, decidi procurar um pouco mais sobre a vida dele e sanar minhas dúvidas. Agora quero compartilhar com vocês! Espero que gostem! =D

Muita emoção, nenhuma conversão

A paz do Senhor meus queridos!
Como estão?
_______________________________________

Ao abrir meu painel do blogger hoje me deparei com uma atualização de um dos blogs que sigo, onde a notícia falava sobre uma apresentadora de um programa de televisão que chorou ao ouvir uma música de uma cantora evangélica, que enquanto a cantora fazia sua apresentação a moça ficou muito emocionada e a cantora também, enfim, vocês devem saber quem é.
Então decidi postar sobre isso hoje, falar um pouco sobre o emocionalismo extremo de muitos que se dizem cristãos, mas que após seus momentos maravilhosos na presença de Deus, simplesmente voltam à suas vidas normais. O que realmente deveria acontecer depois de uma emocionante noite de culto ou oração? Por que tantas pessoas choram, pulam, gritam, dançam, sapateiam ... Mas depois disso não há sequer um sinal de mudança na vida delas? Será que chorar ao ouvir lindos louvores significa algo? E se eu não chorar? Quer dizer que não estou sentindo a presença de…