Pular para o conteúdo principal

Me Converti... E Agora??? {11}

Nova Era [Parte 02]

Características Gerais da Nova Era

Holismo- A física clássica de Newton tinha o universo na conta de imensa máquina, cujos elementos se mantêm em equilíbrio mediante interação constante. Ora, a Nova Era adota o modelo holístico mais recente: o universo não constaria de partículas, mas de ondas de energia que constituem esse todo, como uma rede de ligações e de interdependências. O homem seria parte desse todo. Em consequência, a Nova Era afirma que Deus e o mundo, o espírito e a matéria são uma imensa vibração energética, em que todas as diferenças são apenas aparentes e não reais.

Tônica nas religiões orientais- Embora seja sincretista, o Movimento da Nova Era prefere as teses das religiões orientais (que geralmente são panteístas) aos artigos da fé cristã. Isso bem se entende, visto que o cristianismo afirma a transcendência de Deus; Ela entra em diálogo com o homem, mas não é homem. O cristianismo possui um credo definido, evitando o sincretismo religioso.
A Nova Era incita seus adeptos a fazerem experiências “transpessoais”, segundo as quais o eu se dilata, de modo a se sentir uma só coma energia cósmica; tais experiências possibilitariam ao homem entrar em contato com pessoas muito distantes, até com defuntos e seres extraterrestres. Tais experiências podem ser estimuladas pelo uso de drogas e pelo incentivo direto do cérebro (biofeedback).
Também são estimulantes das experiências místicas da Nova Era a música, a dança e as artes em geral.

O Channeling e o esoterismo gnóstico- Channeling (de channel, canal, em iglês) é a forma mais recente de espiritismo: o médium faz as vezes de channel: recebe mensagens não de defuntos, mas de entidades superiores.
Com essa concepção se combinam resquícios do nosticismo dos primeiros séculos: o homem possui uma centelha da divindade que o torna familiar ao Todo Divino (que é o universo).

Terapêutica- O movimento da Nova Era se dedica também ao tratamento das doenças do corpo e da alma, não mediante a medicina convencional, mas por meio do enfoque holístico, que recorre às terapias alternativas, com origem na filosofia oriental.

Otimismo- A perspectiva da Nova Era, da paz e felicidade, substitui a mentalidade derrostista de grande parte da humanidade contemporânea; daí o sucesso do movimento. Pode-se dizer que a expectativa da Nova Era corresponde à de um reino milenar de Cristo (milenarismo), apregoado por algumas correntes cristãs de nossos dias.
O Movimento da Nova Era fala do retorno de Cristo, tal como é anunciado pelo livro ‘O Retorno de Cristo’ (1948), de Alice Bailey, teosofista e ocultista inglesa que teria recebido revelações de um mestre desencarnado dito o Tibetano. O Cristo da Nova Era, porém, não é o do Evangelho; é o Cristo dito “cósmico, o Cristo energia, o Espírito Crístico Universal”...

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A menina da casa de Naamã

Olá meus queridos e minhas queridas!
A paz do Senhor!


A história de Naamã eu já conhecia, mas depois de ler mais uma vez notei algo que ainda não havia percebido.

Eu, eu mesmo e Pedro

Agora não compreendes o que eu faço, mas depois entenderás.
Em uma conversa casual, refletindo sobre este versículo, algo nos chamou a atenção.  Já ouvimos em muitas aplicações como temos atitudes semelhantes às dos personagens bíblicos, Adão é aquele citado para falar de quem não assume a responsabilidade dos seus atos e sempre joga a culpa em outra pessoa, ou Jonas quando foge do chamado de Deus, ou Moisés que sempre coloca um empecilho para aceitar a missão que Deus lhe confiou... A reflexão de hoje nos aproxima mais uma vez de um personagem bíblico e nos traz algumas lições. Vamos juntos?

Se não fosse o Senhor

Última semana de dezembro, você olha para trás e lembra de tudo o que já te aconteceu, faz uma retrospectiva de todos os fatos, desde que fez menção aos "Planos para 2011"; por fim você só pode dizer uma frase:
"Se não fosse o Senhor..."